Romero diz que não vai morrer de véspera como peru e só define candidatura em abril

Para Romero, se não fossem esses conflitos internos na oposição em 2017, ele estaria melhor nas pesquisas

O prefeito Romero Rodrigues (PSDB) continua a reafirmar seu posicionamento e disse, nesta quinta-feira (18), que só define sobre candidatura ao Governo do Estado no mês de abril, no prazo final, que é dia 7. Em entrevista nesta quinta-feira (18) ao Correio FM, a um dia de reunião que será realizada pelo PSDB amanhã, o prefeito de Campina Grande disse que está liderando pesquisas internas.

“Se tem uma regra que lhe faculta a possibilidade de definir até o dia 7 de abril, você vai definir em janeiro?”, argumentou. “Então, eu vou pegar, fazer feito Natal, que o peru tem que morrer de véspera? Vou tá lá até o final, brigando, batalhando, e com muita vontade e determinação e desejo de ser candidato ao governo”, disse.

Para Romero, se não fossem esses conflitos internos na oposição em 2017, ele estaria melhor nas pesquisas.

O prefeito campinense confirmou presença em reunião do PSDB, amanhã. O encontro do PSDB acontece às 9h desta sexta-feira (19) e vai reunir as principais lideranças do partido, para discutir as eleições de outubro.

No sábado, Romero tem agenda no município de Princesa Isabel a convite da ex-deputada Flora Diniz. Ele se encontra com o senador Cássio Cunha Lima e com o presidente do PSDB, Ruy Carneiro. Em seguida, ele segue para a cidade de Juru.

 

Click PB