Polícia prende casal e apreende drogas em duas ações de combate ao tráfico em Campina Grande

O casal foi encaminhado para a DRE e depois de ouvido pelo delegado Victor Melo foi encaminhado para a carceragem da Central de Polícia para aguardar pela audiência de custódia.

Policiais civis da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) de Campina Grande prenderam, na tarde desta segunda feira (19), Leonardo Bezerra Silva e Joelma Sousa Melo. Os dois são suspeitos de praticar o crime de tráfico de drogas. A prisão aconteceu no bairro do Catolé, na zona sul da cidade.

A polícia chegou até o casal após receber uma ligação feita para o número 197 Disque Denúncia da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Sesds). Segundo a pessoa que ligou, Leonardo e Joelma estavam vendendo drogas em uma casa na Rua Arius, no bairro Catolé. Os agentes de investigação foram até o local e identificaram a residência. Durante as buscas eles encontraram cerca de 1kg de maconha e  outros objetos que configuram que o local seria um ponto de venda de drogas.

O casal foi encaminhado para a DRE e depois de ouvido pelo delegado Victor Melo foi encaminhado para a carceragem da Central de Polícia para aguardar pela audiência de custódia.

Mais prisões – Ainda na tarde desta segunda-feira (19), a Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) de Campina Grande, realizou diligências no bairro de Estação Velha para prender Monalisa Maria do Nascimento Pereira. Ela foi denunciada por meio de uma ligação anônima feita para o número 197 Disque Denúncia como sendo a pessoa responsável pelo tráfico de drogas na área.

Monalisa conseguiu fugir da abordagem policial, mas na casa dela foram apreendidos cerca de 300g de crack, parte da droga já fracionada e embalada em pequenas “pedras” e “papelotes” de maconha, prontas para comercialização. Os policiais ainda realizaram várias buscas no bairro para tentar localizar a investigada e, mesmo sem ter sido encontrada, Monalisa foi indiciada pela prática do crime de tráfico de drogas.

Minuto PB