Paraíba tem greve de técnicos administrativos

De acordo com sindicato da categoria, os profissionais continuarão de braços cruzados enquanto não houver uma negociação com o governo.

Os técnicos administrativos do Estado deflagraram greve nesta segunda-feira (2), por reposição salarial. A greve atinge órgãos da administração direta e indireta.

De acordo com sindicato da categoria, os profissionais continuarão de braços cruzados enquanto não houver uma negociação com o governo.

Em contato, Nahuan Medeiros, secretário do SINDTECPB alega que os técnicos administrativos tiveram seus salários equiparados ao salário mínimo.

Ainda segundo ele, nos dias 22 e 28 de março foram realizadas duas paralisações com o indicativo de greve. Eles esperam retorno das reivindicações apresentadas durante a paralisação à chefia de gabinete da secretária de Administração Livânia Farias.

“Enquanto não houver negociação a greve continua por tempo indeterminado”, afirmou.

 

Roberto Targino – MaisPB