2 mil residências e comércios serão beneficiados no Bairro Brisamar, em João Pessoa, com Instalação da rede de distribuição de gás

Será investido R$ 1,5 milhão em 4,7 km de gasodutos que possibilitarão levar o gás natural.

A Companhia Paraibana de Gás (PBGás) iniciou, na manhã desta terça-feira (3), a implantação da rede de distribuição de gás canalizado no bairro do Brisamar, em João Pessoa. Será investido R$ 1,5 milhão em 4,7 km de gasodutos que possibilitarão levar o gás natural a 2 mil residências e comércios localizados em 23 ruas dos bairros do Brisamar e parte do Miramar.

O secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio ambiente e Ciência e Tecnologia (Seirhmact), João Azevedo, os diretores George Morais, Jailson Galvão e Giovane Rosa e engenheiros da PBGás acompanharam o início da obra que está sendo realizada com máquina de furo direcional e equipamentos modernos, visando causar um menor impacto no asfalto e no trânsito.

O secretário João Azevedo destacou a importância da ampliação dos gasodutos para oferecer o gás natural, que é uma energia menos poluente, e que auxilia no desenvolvimento da infraestrutura energética do Estado. “É necessário que a PBGás mantenha esse ritmo de expansão do gás natural para o bairro do Brisamar e a expectativa é que o gás natural chegue  cada vez mais a bairros e localidades com potencial de crescimento e desenvolvimento. A chegada a Brisamar é um marco importante para a companhia”, comentou.

De acordo com o presidente da PBGás, George Morais, o gás natural vive um momento de expansão chegando a um novo bairro em João Pessoa  com forte adensamento residencial e 40 comércios que poderão, em breve,  usufruir dos benefícios do energético como o fornecimento contínuo, a segurança de não precisar armazenar os cilindros, a redução no fluxo de caminhões em áreas residenciais e a versatilidade da utilização, não apenas para cocção, mas para aquecimento de água ou refrigeração de ambientes.

O diretor técnico comercial da PBGás, Jailson Galvão, ressaltou o padrão de qualidade da obra estabelecida pela companhia com a utilização de equipamentos modernos e que realizam furo direcional, ocasionando menos impacto no ambiente, como o tamanho da vala, menor danos ao asfalto e também menos impacto no trânsito do local.  “Estamos hoje com mais de 15 mil clientes comerciais e residenciais e a nossa meta é chegar ao final do ano com mais de 18 mil unidades atendidas com o gás canalizado em João Pessoa e Campina Grande”, disse.

O diretor administrativo financeiro, Giovane Rosa, acrescentou que dentro do horizonte de 5 anos a PBGás pretende investir cerca de R$ 54 milhões e que somente em obras de expansão da rede de distribuição do gás canalizado este ano o investimento supera os R$ 3 milhões.  “Além dos bairros de Brisamar e Miramar, na Capital, também estão sendo feitas obras de expansão em Campina Grande para ligação de indústria de calçados no bairro de Bodocongó e a ligação de clientes na avenida Liberdade, em Campina Grande.

A rede de distribuição do gás natural no Estado possui uma extensão de 312 km e está presente em 14 municípios (João Pessoa, Campina Grande, Cabedelo, Conde, Alhandra, Santa Rita, Bayeux, Mamanguape, Queimadas, Ingá e Caldas Brandão (Cajá). Em João Pessoa, o gás canalizado está nos bairros de Jardim Oceania, Manaíra, Tambaú, Cabo Branco, Altiplano, Miramar e parte da Torre.

 

Minuto PB