MST ocupa fazenda do senador Zé Maranhão, no interior da PB

As terras ficam na fazenda Volta, no município de Tacima, no Curimatau paraibano.

Uma das fazendas do senador José Maranhão (MDB), na Paraíba, foi ocupada pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) na madrugada desta terça-feira (10).

As terras foram ocupadas por 200 famílias. Segundo o movimento, “Zé Maranhão, defensor do golpe, é um dos senadores pela Paraíba que segue defendendo a pauta de desmantelo de direitos da classe trabalhadora”, disse a classe, em nota.

As terras ficam na fazenda Volta, no município de Tacima, no Curimatau paraibano.

Na região litorânea, a ocupação foi realizada por 250 família na fazenda Patrocínio, no município de Cruz do Espírito Santo.

O MST informou que as ocupações integram o calendário da Jornada Nacional de Lutas Pela Reforma Agrária, que além de rememorar os 22 anos do massacre de Eldorado dos Carajás, denuncia a paralisação da reforma agrária, o desmantelo das políticas de reforma agrária e a criminalização dos movimentos sociais.

As ocupações também têm o objetivo de protesto contra a prisão do ex-presidente Lula, no último sábado (7).